Tags

,

vida

Atenção: este post contém fotos indecentes.

O ano de 2009 foi repleto de novidades e revivals no mundo da moda. Uma delas foi bastante imodesta: transparência nos vestidos ou moda “see through”.

Acompanhando os sites sobre moda vi diversos exemplos de roupa deste tipo, quase sempre usadas por celebridades. Roupas que mais parecem lingerie são apontadas como chiques e até mesmo elegantes. Comparam-se fotos de duas ou mais famosas e perguntam quem ficou melhor naquela peça, quem “segurou” o visual.

É um festival de mau gosto e indecência sem fim. E o pior de tudo é que não aparece ninguém para comentar o ridículo de modas como esta, onde ficam expostas até mesmo as roupas íntimas das pessoas.

Figurinhas carimbadas e queridinhas do mundinho fashion não têm o menor pudor de usar em público roupas onde mostram quase toda ou até mesmo toda a sua figura.

Joan Collins apareceu usando um vestido que mais parece uma camisola – muito esquisita – mostrando o sutiã branco. Haja mau gosto!

Gwyneth Paltrow foi elogiadíssima por ter usado um vestido (muito feio por sinal) onde aparecem suas formas, a lingerie, a barriga, o quadril, as coxas…

Kate Moss, outra queridíssima do mundinho fashion, foi fotografada mais de uma vez com modelos que não são mais do que lingerie usada como roupa comum e enfeitada com acessórios.

Jennifer Lopez, cada vez pior, usou um vestido todo transparente com um visual que deixaria qualquer filho morto de vergonha. Sim, ela é esposa, mãe e…católica.

Katie Holmes, também esposa e mãe, vive aparecendo por aí com modelitos transparentes, deixando à mostra seu colo e revelando suas roupas íntimas. E o pior de tudo é que tal moda indecente é tomada como algo elegante pelos fashionistas de plantão.

Há outros modelitos muito piores estampados nas páginas das revistas mundo afora. Estes eu assinalei porque não foram tomados como simples extravagâncias de gente famosa, mas foram tidos como chiques e elegantes. Deste tipo de elegância, Deus me livre!

Se não é o fim do mundo, é o ensaio geral!